Por Renato Mendonça

Todos nós estamos sujeitos à perdas e por mais que saibamos que a vida um dia chegará ao fim, enfrentar esse momento traz uma dor muito forte dentro de nossos corações. Afinal, não existe idade para morrer. A morte pode acontecer subitamente; pode vir como uma amiga que alivia as dores e até mesmo como um refrigério para quem sabe para onde está indo. Mas a grande verdade é que sempre haverá um sentimento de vazio no coração dos que perdem alguém, pois aquele que partiu, não voltará mais.

O luto pode tomar conta da vida de uma pessoa não somente através da morte, mas pode ser caracterizado como a perda de algo muito importante, como um amigo, a separação familiar, a saída dos pais da casa… Sempre que algo é tirado da vida de uma pessoa, esse sentimento pode acontecer.

Agora, como agir quando passamos por esses momentos? Como devemos nos sentir quando isso acontece? Muitas pessoas se negam a passar por esse sentimento que o luto traz; mas negar o luto trará um vazio e uma dor que incomodará profundamente e por muito mais tempo. Sentimentos de culpa, raiva, solidão, medo e dúvidas, certamente surgirão, mas uma coisa é certa: Deus está com você em toda e qualquer situação, e Ele pode usar o momento de dor para que mais pessoas sejam abençoadas.

O apóstolo Paulo diz: “Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, Pai das misericórdias e Deus de toda consolação, que nos consola em todas as nossas tribulações, para que, com a consolação que recebemos de Deus, possamos consolar os que estão passando por tribulações”. Deus não permite que experimentemos algo além do que podemos suportar. A grande verdade é que o Senhor pode usar um momento de dor como ferra- menta de bênção na vida de pessoas que chegarão perto de você.

Não perca a oportunidade de ser bênção na vida de pessoas que estão passando por uma perda. Coloque-se nas mãos do Senhor e testemunhe do amor de Deus, pois certamente isso trará ao seu coração um propósito maior para o momento que você vive.