A JMM segue agindo em Moçambique na região de Beira, província de Sofala.


WWW.DOEAGORA.COM

 

 

As ações podem ser divididas em quatro grandes eixos:

1 – Ajuda emergencial a projetos, igrejas e pastores
Foram disponibilizadas recursos para a compra de alimentos, ferramentas e geradores. Os alimentos estão sendo servidos às crianças dos projetos, a pessoas que perderam suas casas e estão abrigadas nos projetos, e a pessoas que estão hospitalizadas. São milhares de crianças e suas mães. As ferramentas são utilizadas para a remoção de troncos e outros detritos decorrentes da ação do ciclone. Os geradores são utilizados para garantir que haja energia em lugares estratégicos. Pastores que sofreram perdas e procuraram a junta receberam ofertas que haviam sido destinadas com esta finalidade.

2 –  Ajuda emergencial à população em geral
Alimentos estão sendo adquiridos diariamente para a distribuição de novas cestas básicas nos próximos dias. Não tem sido possível comprar grandes quantidades de alimentos pois não há continuidade de fornecimento. Os recursos estão sendo disponibilizados à medida em que são feitas doações à junta. 

A alimentação da população é um dos maiores desafios pois a maior parte dela vive da agricultura de subsistência e teve suas plantações destruídas pelo ciclone. São dezenas de milhares de pessoas que precisarão de comida nos próximos meses. Esta ação depende fundamentalmente das doações continuarem a ocorrer pelos próximos meses por isso continuaremos com a campanha de arrecadação.

 

3 – Apoio espiritual, material e estratégico
Os missionários e alguns projetos foram visitados pelo diretor executivo, Pr. João Marcos, que viajou como voluntário ao país. Ele retornará ao Brasil no dia de hoje por questões de agenda da campanha de Missões Mundiais. Outros líderes continuam no país e alguns seguirão para lá nos próximos dias. Juntamente com os missionários que atuam na região eles compõem o grupo que coordenará o trabalho de reconstrução dos projetos. O levantamento das necessidades de reparos nas instalações afetadas já foi iniciado. Os reparos emergenciais já estão sendo realizados na maior parte deles. Para realizarmos a reconstrução precisaremos do apoio de todos. O emprego de pessoas membros das igrejas locais na reconstrução ajudará na recuperação da economia das localidades e das igrejas.

 

4 – Socorro médico e emocional 
Nossos projetos estão sendo utilizados no atendimento às vítimas do ciclone, inclusive com a vacinação contra o cólera. Além disso, nos próximos dias seguirão para o país os integrantes da primeira equipe de profissionais da área de saúde que atuarão na região do Dondo.

 

O pastor João Marcos escreveu uma pequena mensagem para ser compartilhada:

”Queridos irmãos, graças a Deus pudemos encontrar com nossos missionários e ver que foram alvo do Seu cuidado. Estão firmes e fortes, apesar de terem passado por uma das mais difíceis provações que alguém pode passar que é ver a morte de perto. 

Sou grato a Deus pela vida de cada um deles e pelo exemplo de fé e dedicação que têm dado. Foi emocionante ouvir seus relatos mas mais ainda ver o quanto amam a Deus e estão comprometidos com o anúncio da salvação. A visita a alguns projetos foi marcante pois pude ver o quanto espelham o amor de Cristo e são reconhecidos por isso. 

Peço que continuem a nos ajudar em oração e doação para mostrarmos o amor de Deus através destas vidas preciosas.

Amanhã devo dar um relatório mais detalhado sobre esta viagem.”

Pr. João Marcos Barreto Soares
Diretor de Missões Mundiais 

 

 

 

 Necessitamos de todo apoio em oração para respondermos a esta calamidade.
WWW.DOEAGORA.COM

Contas JMM

CNPJ: 34.111.088/0001-30

Bradesco – Agência: 1125 C/C 59000-2
Banco do Brasil – Agência: 3010-4 / Conta Corrente: 141900-5
Santander – Agência: 3894 C/C 13001270-8
Caixa – Agência: 0201 C/C 1165-4 OP. 003
Itaú – Agência: 9218 C/C 65100-9

Após fazer sua doação envie o comprovante para o e-mail [email protected] 

 

CENTRAL DE ATENDIMENTO
2122-1901 / 2730-6800 (cidades com DDD 21)
0800-709-1900 (demais localidades)
dias úteis, 8h às 19h (horário de Brasília)

[email protected]

+55 21 98216-7960 / 98055-1818 (WhatsApp)