Por Pr. Silvanir Silva

Muitas pessoas têm sua história de vida mudada por eventos que deixam marcas profundas; algumas positivas, outras negativas que levam muito tempo para serem superadas. Ao falarmos de Tomé, um dos doze apóstolos de Jesus, não podemos deixar de falar sobre uma marca que ele carregou e deixou na história do cristianismo – sua incredulidade.

Em João 20.25 lemos: “Os outros discípulos lhe disseram: “Vimos o Senhor!” Mas ele lhes disse: “Se eu não vir as marcas dos pregos nas suas mãos, não colocar o meu dedo onde estavam os pregos e não puser a minha mão no seu lado, não crerei”. Porém, a história dos apóstolos e de Tomé tem um recomeço quando eles se encontram com o Senhor ressurreto. O Senhor Jesus lhes deu a oportunidade de recomeçar uma nova história de vida a partir daquele encontro. Essa oportunidade é estendia para todos nós; todos os dias temos a oportunidade de nos encontrar com o Senhor Jesus, mas para isso precisamos exercitar a nossa fé.

A Palavra de Deus em Hebreus 11.6 diz que “Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dEle se aproxima precisa crer que Ele existe e que recompensa aqueles que o buscam”, portanto para que você possa ter a sua vida impactada por Deus, você precisa ter fé em Deus. “Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos” (Hebreus 11.1).

Na versão da Bíblia de Jerusalém, a palavra certeza é substituída pela palavra garantia. Eu gosto muito dessa tradução; a palavra garantia me remete ao mercado financeiro. Quando uma pessoa solicita um empréstimo, ela tem que apresentar uma garantia para pegar o empréstimo. O que é essa garantia? É a segurança de que o empréstimo será pago no futuro; caso contrário, quem emprestou ficará com a garantia, que tem valor superior ao que emprestado. Com Deus a situação funciona de maneira reversa, quem dá a garantia é o Senhor, somente precisamos acreditar nEle. Ele antecipadamente nos garante, nos dá a certeza de que fará acontecer.

Quando o relacionamento com o Senhor é real, a fé passa a fazer parte do cotidiano, é o sobrenatural no mundo real. Fé não é crer que Deus vai fazer aquilo que você quer. Fé é crer que Deus vai fazer o que precisa ser feito, creia!