Por Pr. Marcio Tunala

Não saberia dizer quantas pessoas conheci ao longo de minha vida. Várias pessoas passaram por minha vida e por circunstâncias diversas perdemos o contato. Já morei em três estados diferentes deste Brasil continental e me lembro de que por onde andei fiz muitos amigos, pessoas que trabalharam, estudaram, viajaram comigo. Algumas dessas pessoas eu sei por onde andam, mas a maioria eu teria dificuldade em rever. Assim é a vida, cheia de mudanças, aventuras e experiências diversas.

Quero comentar sobre um grupo de pessoas escolhidas por Deus que as mudanças não foram capazes de me separar delas; são meus familiares. Mesmo quando estava longe, acompanhava os principais fatos ocorridos em suas histórias. A família é sem dúvida uma grande criação de Deus. Como está sua família? Tenho absoluta certeza de que ela tem problemas e que alguns são antigos e parecem não ter fim. Outros são tão recentes que você nem está preparado para pensar neles. Quando paramos para analisar a história vivida até aqui, as vitórias estão sempre presentes; principalmente quando o temor a Deus existe, mas muitos são os desafios de uma família.

A família tem recebido toda sorte de ataques e algumas perderam o prazer da convivência. É uma pena quando isso acontece. Muitas vezes mentimos para nós mesmos quando achamos que podemos nos desconectar dessas pessoas. Elas fazem parte da nossa vida e dependemos delas para uma vida completa e saudável. Se você tem virtudes, pode ter certeza que sua família é a maior responsável por isso e quanto aos seus defeitos, sua família também contribuiu com eles. O mais importante é saber que a família é um presente de Deus para a humanidade e quem tem uma família equilibrada é com certeza uma pessoa de sorte.

Nenhum investimento em nossa família é em vão, recebemos de volta tudo que oferecemos. Se sua família não for capaz de retribuir o bem que você ofereceu a ela, pode ter certeza que Deus retribuirá, pois Ele é grande em misericórdia. A Bíblia fala sobre um homem chamado Cornélio. Ele era centurião do regimento conhecido como Italiano. Em Atos, capítulo dez e versículo dois ela diz: “ele e toda a sua família eram piedosos e tementes a Deus”. Essa é a realidade de sua família? Se não é, não perca tempo e comece a anunciar Jesus para eles.

Tenho certeza que Deus os ama muito e quer salvá-los. Observe em Marcos, capítulo cinco e versículo dezenove o que Jesus ordenou para um homem que ele acabara de expulsar demônios: “Vá para casa, para a sua família e anuncie-lhes quanto o Senhor fez por você e como teve misericórdia de você”. Sua família é um bem precioso e vale a pena investir nela. Deus abençoe a sua família.