Por Marcio Tunala

Nada combina tanto com jovens como os Pequenos Grupos Multiplicadores. Os jovens têm características relacionais muito mais intensas do que os adultos. Se você é um pastor ou líder de juventude e ainda não está envolvido em um movimento de Pequenos Grupos, quero encorajá-lo a refletir sobre as vantagens de estruturar seu ministério em PGMs.

1- Construindo amizades sólidas

Frequentando o mesmo grupo todas as semanas, os jovens irão desenvolver amizades sólidas e terão um espaço para compartilhar suas ideias e sentimentos. As amizades fortes fazem do ambiente da igreja no sábado ou domingo um lugar muito mais significativo.

Outro benefício desta rede de relacionamentos saudáveis é proporcionar o ambiente para que o jovem namore com alguém da mesma fé.

2- Relacionamentos Discipuladores

Participar de uma igreja é, sem dúvida, uma experiência muito positiva, mas não garante um crescimento de qualidade. Um relacionamento discipulador traz maturidade e crescimento integral para o jovem. Traz também fortalecimento na vida devocional: leitura da Palavra e uma vida de oração.

3- Compartilhar sua vida em grupo

Muitos jovens têm dificuldade em abrir seu coração com seus pais. E falar com um pastor é um desafio ainda maior. Com o passar dos dias os encontros vão proporcionar ao jovem um ambiente favorável para expor sua vida, frustrações, limitações. No encontro, o jovem está acompanhado de pessoas de sua faixa etária que vivem os mesmos dilemas que ele. Isso sem dúvida é encorajador, e quanto mais transparente o líder manter os encontros, maior a chance de fortalecer os jovens em uma caminhada saudável.

4- Celeiro de líderes

Na Bíblia vemos Deus levantar jovens como Daniel, Gideão, Davi e outros para desafios grandiosos. Jovens são ensináveis e o ambiente do Pequeno Grupo é apropriado para a formação de líderes.

A multiplicação abre espaço para novos líderes, e liderar um Pequeno Grupo é simples e ao mesmo tempo gratificante. Muitos jovens têm aprendido a liderar em suas igrejas e colhido fruto também em sua vida profissional.

Líderes de Pequenos Grupos são confiáveis e abençoados, e jovens que são liderados com excelência estarão engajados a cuidar de pessoas e serão incentivados a liderar também.

5- Alcance da geração

Jovem atrai jovem. Jovens são atraídos a grupos de sua geração e aceitam facilmente o convite para irem à casa um dos outros. Um encontro bem liderado cresce rapidamente e produz frutos que permanecem.

6- Compartilhar a Palavra

O roteiro pré-estabelecido proporciona ao longo das semanas uma oportunidade de compartilhar a Palavra de Deus com temas relevantes e atuais. A troca de experiências com base nos princípios bíblicos é um extraordinário momento de crescimento pessoal.

 7- Orando uns pelos outros

O hábito de orar com pessoas e pelas pessoas é um diferencial de um PGM. No momento da oração o jovem expõe suas necessidades e ouve as necessidades dos outros. Um belíssimo hábito cristão sendo praticado em um ambiente muito rico e também descontraído. Levar os jovens a ter uma vida poderosa de oração é um excelente desafio.

O PGM jovem é uma oportunidade de estabelecer uma juventude forte e ativa na igreja. O desejo de glorificar a Deus, a necessidade de relacionamentos interpessoais sólidos e o número de jovens vivendo em profunda perdição devem ser motivadores para implantar com urgência este modelo de ministério nas igrejas.

ENDEREÇO

R. Amazonas de Souza

Azevedo, 134 Bacacheri,

82520-620, Curitiba - PR

 

Telefone: (41) 3363-0327

assine nossa newsletter